Vous êtes ici:

Em preparação para o Bicentenário de Santa Maria Eugênia e de madre Thérèse Emmanuel

Mère Thérèse Emmanuel


A Província Atlântico Sul, propõe uma citação por semana de
um texto de Madre Maria Eugênia, fundadora das Religiosas da Assunção, ou de Madre Thérèse Emmanuel, mestra de noviças e co-fundadora, duranteas 69 semanas que nos separam da celebração do Bicentenário. Sugerimos anossos amigos colecionar essas citações.

6 de agosto de 2017, Ano do Bicentenário, Transfiguração do Senhor : Mensagem para a semana 3


Nosso Senhor transfigurado,
Nosso Senhor revestido de sua glória.
Convido a meditar sobre isso hoje,
para que Jesus transfigurado seja sempre para vocês
um consolo e uma esperança,
mesmo nos momentos difíceis
que tiverem que atravessar nesta vida.
 (Instrução de 6 de agosto de 1876)

30 de julho de 2017, Ano do Bicentenário : Mensagem para a semana 4


“Tudo contribui para o bem daqueles que amam Deus,”
diz são Paulo. E santo Agostinho não teve receio de acrescentar “mesmo o pecado”.
Não fomos feitos para a terra.
Subamos acima de todos os problemas,
de todas as dificuldades,
saiamos de tudo isso o melhor possível,
com os meios que nos dão os mandamentos,
ou mesmo a sabedoria natural.
Não percamos o precioso tempo da vida com lamentações !
 (Instrução de 19 de maio de 1878)

23 de julho de 2017, Ano do Bicentenário : Mensagem para a semana 5


Há alguns dias encontrei em santo Tomás
uma expressão tão bonita,
tão rica de verdade e de pensamento,
que não posso esquecê-la.
Diz ele : a graça de Deus é semente de Deus.
Essa “semente de Deus”
e também a definição de São Paulo “vida eterna”
 iluminam mais do que vinte livros sobre isso.
 (Carta nº 79, de 28 de fevereiro de 1839)

16 de julho de 2017, Ano do Bicentenário : Mensagem para a semana 6


O Espírito Santo é o amor do Pai e do Filho.
Por que Ele nos dá a força ?
Porque é um braseiro de amor…
O amor que o Espírito Santo coloca em nossos corações
é o próprio amor de Deus.
É o Espírito Santo que desce ao coração de uma pobre criatura
e faz com que ela participe do amor que une o Pai e o Filho,
o amor da Santíssima Trindade.
 (Instrução de 23 de setembro de 1881)

9 de julho de 2017, Ano do Bicentenário : Mensagem para a semana 7


É preciso que Jesus Cristo seja nossa verdadeira alegria…
Se nem sempre o sentimos, precisamos crer nisso.
Não é difícil crer que Jesus Cristo é o único bem
que conforta e fortifica.
Ele mesmo disse :
“Venham a mim, todos vocês
que estão cansados e fatigados,
e eu lhes darei descanso.”
(Instrução de 25 de janeiro de 1884)

2 de julho de 2017, Ano do Bicentenário : Mensagem para a semana 8


Celebrando a festa de São Padro e São Paulo,
 é bom pensar como são os verdadeiros discípulos,
os verdadeiros amigos de Nosso Senhor.
Faz parte do espírito da Assunção
ter uma grande devoção aos Apóstolos,
principalmente a São Pedro,
que é o chefe da Igreja, o vigário de Jesus Cristo,
a pedra angular sobre a qual se apoia o edifício da Igreja,
e que recebeu de Deus a incumbência
de abrir as portas do Reino dos Céus.
 (Instrução 30 de junho de 1878)

25 de junho de 2017, Ano do Bicentenário : Mensagem para a semana 9


Deus sabe que eu sou tão covarde
que não posso caminhar sem ter apoios sensíveis ;
acho que Ele me concede graças tão suaves e evidentes
que não tenho maior mérito em acreditar nelas
que são Tomé em acreditar na Ressurreição !…
A beleza da primavera me fala de Deus e me faz confiar nele.
 (Santa Maria Eugênia – Carta nª 1837)

18 de junho de 2017, Ano do Bicentenário : Mensagem para a semana 10


Não podemos atravessar a vida sem provações,
mas quaisquer que sejam nossas dificuldades
é preciso que no fundo do coração
seja o amor que predomine…
Acolhamos os caminhos por onde Deus nos leva,
porque Deus nos ama.
É por amor que Ele nos leva a caminhar
em estradas que não compreendemos.
(Instrução 1 de fevereiro de 1884)

11 de junho de 2017, Santíssima Trindade, Ano do Bicentenário : Mensagem para a semana 11


O objeto de nossa fé é em primeiro lugar
a santíssima e adorável Trindade,
cuja festa hoje celebramos.
O Pai, o Filho e o Espírito Santo,
que conhecemos por Nosso Senhor Jesus Cristo.
Ele nos diz no Evangelho que todas as suas palavras
são palavras do Pai,
que o que ele diz, não o diz por si mesmo ;
que quem o escuta, escuta as palavras do Pai.
 São as palavras da Santíssima Trindade.
(Instrução 23 de maio de 1880)

4 de junho de 2017, Pentecostes, Ano do Bicentenário : Mensagem para a semana 12


[Num momento de grande dificuldade :]
(Com isso aprendi)
em quem confiar nos negócios.
Os homens erram,
mas temos Deus conosco.
(M. Thérèse Emmanuel – Carta a Sta. Maria Eugênia 1886)

28 de maio de 2017, Tempo pascal, Ano do Bicentenário : Mensagem para a semana 13


(Sobre as irmãs)
Cada uma tem seu perfume, sua cor, sua forma, seu tom diferente e único. Não vamos querer que todas as pessoas sejam iguais… É a variedade que faz a beleza de um jardim. É preciso querer ajudar cada uma a ser o que ela deve ser.
(Madre Thérèse Emmanuel – Instrução às Noviças Vol. 1 p. 42)

21 de maio de 2017, Tempo pascal, Ano do Bicentenário : Mensagem para a semana 14


As pedras que formam esta sala
não foram só tiradas da pedreira ;
foi preciso depois talhá-las, poli-las, assentá-las
para que pudessem se unir.
Aí está o trabalho a fazer em vocês e perto de vocês. Abandonem-se, entreguem-se nas mãos daqueles que as trabalham e peçam a Deus que vocês se tornem pedras resistentes, que contribuem para a solidez do edifício.
(M. Thérèse Emmanuel, Práticas p. 266)

14 de maio de 2017, Tempo pascal, Ano do Bicentenário : Mensagem para a semana 15


As pedras que formam esta sala
não foram só tiradas da pedreira ;
foi preciso depois talhá-las, poli-las, assentá-las
para que pudessem se unir.
Aí está o trabalho a fazer em vocês e perto de vocês. Abandonem-se, entreguem-se nas mãos daqueles que as trabalham e peçam a Deus que vocês se tornem pedras resistentes, que contribuem para a solidez do edifício.
(M. Thérèse Emmanuel, Práticas p. 266)

7 de maio de 2017, Tempo pascal, Ano do Bicentenário : Mensagem para a semana 16


O piloto que está no leme de um navio tem os olhos fixos na bússola, para poder dirigir a embarcação. Não se preocupa com as nuvens, nem com o vento : coloca toda a atenção em guardar a direção que deve manter para chegar ao fim da viagem…
(Madre Thérèse-Emmanuel – Instrução às Noviças)

Dans la même rubrique


Ajouter un commentaire



Informations légales

Ce site est édité par "Religieuses de l’Assomption" :

Ecusson
  • Religieuses de l’Assomption - 17, rue de l’Assomption 75016 Paris - France
  • Tél +33 (0) 1 46 47 84 56
  • Fax + 33 (0) 1 46 47 21 13

S'inscrire à l'info-lettre